INTELECTUAIS E OPINIÃO

Thaís Manhães Alves Soares, Paulo Roberto Figueira Leal

Resumo


A partir do artigo “Política externa e opinião: a imprensa no debate nacional”, de autoria própria, busca-se o aprofundamento sobre o tema da influência dos intelectuais sobre as discussões políticas publicadas nos periódicos. No caso da pesquisa em questão, foi analisado o caderno “Opinião” do jornal O Globo, do Rio de Janeiro. Os artigos opinativos publicados por colunistas ou convidados do jornal chamaram a atenção pelo perfil das personalidades selecionadas por O Globo para publicizar naquele espaço seus posicionamentos sobre o assunto em questão. Assim, cabe apuração do papel dos intelectuais nesse meio, sendo necessária prévia revisão bibliográfica no sentido de embasar as ideias a respeito das definições de intelectual, de suas funções e também de seu papel histórico nas sociedades. Serão assim utilizados para tal autores clássicos como Antonio Gramsci, Noberto Bobbio, Carlos Nelson Coutinho e Roberto Schwarz. O objeto a ser analisado consiste nos quatro artigos opinativos analisados na pesquisa prévia já citada, de autoria de quatro distintos intelectuais convidados pelo jornal O Globo, assim como seus perfis. São eles: Sibá Machado, deputado filiado ao Partido dos Trabalhadores; Rodrigo Botero Montoya, ex-ministro da Fazenda da Colômbia; José Serra, ex-ministro das Relações Exteriores do governo Temer; e Denis Lerrer Rosenfield, acadêmico e professor da UFRGS


Palavras-chave


Intelectuais, Opinião, O Globo

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Revista Espirales